quarta-feira, 27 de maio de 2015

sempre a aprender....

Posted: 09 May 2015 02:19 PM PDT
São 4 os grandes motivos que me impedem de bater nos meus filhos e de ser firme defensora de uma educação sem agressão.

Eu sei que não vem mal ao mundo com uma palmada e também sei que em muitas situações ela funciona imediatamente. É verdade. Mas, mesmo assim, eu não o faço por 4 pontos:

1) o primeiro é porque eu não me revejo nessa situação e não faz parte de quem eu sou e desejo ser, bater. Não é um esforço que faça - sou mesmo assim e desejo manter -me. Isto quer dizer que esta é a minha natureza, a minha forma  de ser e como se trata de um comportamento, qualquer um de nós pode caminhar nesse sentido. Não de um dia para o outro e sim um dia após o outro.
O meu desejo é ser coerente com aquilo que eu penso, sou e faço e desejo que os meus filhos me vejam assim. Coerência pode implicar mudança de ideias :) Só quem não muda é que não evolui.

2) Os meus filhos podem levar-me ao desespero em determinadas situações mas a escolha do comportamento (se grito, se bato, se respiro fundo, se sou firme, assertiva ou simplesmente bato com a porta) é inteiramente minha. A forma como eu reajo sou eu que escolho. Ah, pois é!

3) Respeito os meus filhos - como qualquer pai - e sei que são pessoas em construção, que precisam de pais verdadeiros, honestos e também que os saibam orientar no seu crescimento. Pais com alguma inteligência e gestão emocional das suas próprias emoções. Pais que se passem com eles quando se têm de passar mas que escolham deixar a agressão - verbal ou física - de lado.

4) Respeito-me ao ponto de saber que eu sou mais forte que a vontade de os desfazer :) Previno as situações, penso nelas com frequência e tenho muito presente que, na maior parte das vezes, aquilo não é o fim do mundo!

Talvez a melhor estratégia resida na parentalidade pró-activa. Eu não posso evitar tudo mas posso prevenir, treinar, informar-me, estudar e estar em melhoria contínua o tempo todo.



daqui

Sem comentários:

Publicar um comentário

Obrigado pelas palavras deixadas!
Os comentários serão respondidos no próprio post.